PALAVRA DE DEUS

POR: Manuel Venade Martins (Pastor Evangélico)

E disse o Senhor Deus: Não é bom que o homem esteja só; far-lhe-ei uma adjutora que esteja como diante dele. Então o Senhor Deus fez cair um sono pesado sobre Adão, e este adormeceu; e tomou uma das suas costelas e cerrou a carne em seu lugar. E da costela que o Senhor Deus tomou do homem formou uma mulher; e trouxe-a a Adão. E disse Adão: Esta é agora osso dos meus ossos e carne da minha carne; esta será chamada varoa, porquanto do varão foi tomada. Portanto, deixará o varão o seu pai e a sua mãe e apegar-se-á à sua mulher, e serão ambos uma carne (Génesis 2: 18, 21-24)

INTRODUÇÃO

Deus deixou-nos o maior exemplo para sempre nos lembrar-nos do nosso conjugue, e preparou nosso companheirismo por toda a nossa existência, mas de ambas as partes o ser humano tem falhado consideravelmente, ao deixar de amar seu marido ou sua esposa, que o Altíssimo determinou, que o homem não devia viver só, precisa de uma coadjutora, uma companheira respeitável, santa, admirável, prudente e séria, excelente governadora de sua própria casa, uma futura mãe de filhos.

O homem precisa desse tipo de mulher, não a deve tratar como escrava, mas outrossim, excelente dona de casa, e mãe de família, boa orientadora e educadora de seus filhos, corrigindo-os com mansidão, carinho e amor. Essa é a mãe que o marido precisa para orientação do lar, num mundo conturbado a onde a juventude se deixa arrastar e iludir, e assim vai resvalando na sua forma de viver quotidiano, porque ao se deixar envolver com seu parceiro uma vez viciado nas suas fraquezas, se vai deixando aos poucos contaminar e envolver, tornando-se um viciado veterano.

Deus quer-te guardar e proteger desses maus colegas para te dar uma vida vitoriosa e abundante, mas somente se efetuará se o jovem leitor se voltar para Deus, reconhecendo a sua Palavra como genuína e vital na tua vida. Há uma esperança para ti, para teu lar e para tua coadjutora e filhos se esse for o caso. Deus quer-te abençoar e dar o que necessitas em tua vida, talvez bastante conturbada. Mas, olha para Jesus, nosso Salvador, que deu a vida por ti no Calvário.

COMENTÁRIO

NÃO É BOM O HOMEM VIVER SÓ

Não é bom que o homem esteja só, ora, quem diz o homem também diz a mulher. Olhamos então para as circunstâncias que levaram Deus a ter tal comentário. Deus deu a Adão a responsabilidade de tornar conta do jardim do Éden e de dar os nomes aos animais que Deus criou (Génesis 2:18-20). Adão observou ao fazer o seu trabalho que todos os animais tinham uma companhia da sua espécie menos ele. O Imo tinha uma companheira. O elefante tinha uma companheira. O cão tinha uma companheira, o pardal também linha uma companheira. E, ao observar tal fenómeno, ele sentiu-se sozinho e incompleto. Deus ao ver o vazio, a solidão que Adão sentia, resolveu o problema dele. Deus fez cair um sono pesado sobre Adão e de uma costela dele fez-lhe uma companheira (Gen. 2:21-22).

Sim caro leitor, milhares de anos já se passaram mas aquilo que Deus disse ainda é válido para os nossos dias. Realmente não é bom que um ser humano viva só. O casamento foi ordenado por Deus para vários propósitos. 1º - Um deles é para que a raça humana se reproduzisse e enchesse a terra. (Gen 1: 27-28) 2º - Outro propósito é para que não houvesse prostituição (1ª Cor 7:1) 3º - Mas, ainda um outro propósito é porque Deus observou que não é bom que o homem esteja só (Gemais 2:18). Sim, não é bom que o ser humano viva só, porque é um ser sociável que precisa de ter uma companhia. Contudo há circunstâncias que forçam uma pessoa a viver só. Uma dessas circunstâncias é a morte de um dos cônjuges. Tenho feito vários funerais de pessoas que estiveram casados por dezenas de anos. Os viúvos tem todos uma coisa em comum, sentem-se só. A solidão e as saudades da pessoa que morreu, é a parte mais difícil que o viúvo ou a viúva tem que vencer para voltar a uma vida normal. Com certas pessoas leva anos a vencer este obstáculo e há alguns que nunca conseguem aceitar a perda do seu cônjuge. Outra circunstância que pode causar solidão num casamento, é quando o casal cai no erro de estarem muito ocupados nos seus trabalhos.

A Bíblia nos ensina que Deus está constantemente a convidar-nos a aceitá-lo, como nosso Salvador pessoal. Olhemos o que o Senhor Jesus disse: Vinde a mim, todos os que estais cansados e oprimidos, e eu vos aliviarei. Tomai sobre vós o meu jugo, e aprendei de mim, que sou manso e humilde de coração; e encontrareis descanso para as nossas almas. Porque o meu jugo é suave e o meu fardo é leve. (Mat. 11: 28-30) Notem caros leitores, Jesus promete que aqueles que aceitam o seu convite terão descanso para as suas almas. No livro final de Apocalipse, Jesus disse o seguinte: Eis que estou à porta, e bato; se alguém ouvir a minha voz, e abrir a porta, entrarei em sua casa, e com ele cearei, e Ele comigo (Apoc. 3:20). Deus anseia, caro leitor, entrar na nossa vida e encher o vazio espiritual que só Ele pode encher.

Cristo é a melhor companhia que podemos ter! E por quê? Porque, Ele nos ama com um amor-perfeito, como podemos ler: Mas, Deus prova o seu amor para connosco, em que Cristo morreu por nós, sendo nós ainda pecadores. (Rom. 5:8) O ser humano não tem problemas em amar aqueles que lhe fazem bem e vivem uma vida moralmente razoável. Contudo, a Bíblia nos ensina que Deus nos ama, embora nós sejamos imperfeitos, desobedientes e pecadores. A prova desse amor está em que Deus permitiu que o Seu único Filho morresse para nos salvar, a nós que somos pecadores. Será que podemos compreender tal amor?

< Voltar